Fumcult divulga resultado final do edital Creusa Bordalo, em Macapá

Assinatura dos contratos inicia nesta terça-feira (24).

Por Viviane Monteiro – Fundação Municipal de Cultura

Investimento será de R$ 1.050 milhão | Foto: Arquivo/PMM

A Fundação Municipal de Cultura (Fumcult), divulgou o resultado final do edital de premiação nº 002/2022- Creusa de Sousa Bordalo, que beneficiará artistas com atividades desenvolvidas em Macapá. O processo seletivo foi dividido nas categorias veteranos e iniciantes. O documento contempla 12 segmentos culturais como o artesanato, audiovisual, artes visuais, capoeira, circo, cultura popular, dança, gastronomia, literatura, marabaixo e batuque, música e teatro. O certame recebeu o total de 909 inscritos, dos quais foram selecionados 407.

Resultado Final Categoria Veteranos

Resultado Final Categoria Iniciantes

O investimento será de R$ 1.050 milhão, recursos do Fundo Municipal de Cultura, por meio programa de trabalho ”Criação e Incentivos de Eventos Regionais, Nacionais e Internacionais”, e de emenda do senador Randolfe Rodrigues (Rede).

A assinatura dos contratos com os contemplados inicia nesta terça-feira (24) e vai até dia 27 de maio. Em seguida se inicia o prazo para entregar dos conteúdos em mídias. Os materiais devem ser entregues na Fumcult, localizada na rua Eliezer Levy, 1610- Centras, das 9h às 14h.

“A assinatura dos contratos será de forma presencial e organizada. Em seguida vamos receber o material em audiovisual, que será exibido em lugares estratégicos da cidade”, destaca Olavo Almeida, gestor da Fundação Municipal de Cultura.

Próximos etapas
24 a 27/05  – convocatória para assinatura do contrato
27/05 a 27/07 – prazo para entrega do conteúdo (mídias)

Barracões de marabaixo serão reformados com incentivo de R$ 150 mil da Prefeitura de Macapá

Barracões de marabaixo serão reformados com incentivo de R$ 150 mil da Prefeitura de Macapá

Repasse foi realizado com festa pelos grupos tradicionais, nesta quinta-feira (19).

Por Viviane Monteiro – Fundação Municipal de Cultura

Resultado preliminar arraia mercado central

Fumcult divulga resultado preliminar do edital do Arraiá do Mercado Centrá

Evento acontecerá entre os dias 24 e 26 de junho.

Por Viviane Monteiro – Fundação Municipal de Cultura

A Fundação Municipal de Cultura (Fumcult) divulgou nesta quarta-feira (18), o resultado preliminar dos habilitados e inabilitados do edital de credenciamento para o Arraiá do Mercado Centrá, que acontecerá entre os dias 24 e 26 de junho. O documento prevê o credecimaneto de 24 quadrilhas quadrilhas juninas, sendo 4 tradicionais e 20 estilizadas.

Confira aqui o resultado preliminar.

Os grupos selecionados receberão o auxílio-endumentária, que será no valor de R$ 3 mil para os grupos tradicionais e de R$ 4 mil pra os grupos estilizados. Já as premiações variam entre R$ 1 mil e R$ 3 mil.

Além dos auxílios e premiações gerais, o concurso também conta com o recomeço simbólico da categorias de melhor marcador, miss caipira e casal de noivos.

“Junto as quadrilhas que serão selecionadas por meio do edital, também teremos os grupos juninos das escolas municipais e da Prefeitura de Macapá. Esta será uma festa muito bonita que encerrará com o show da Banda Forró Anjo Azul”, afirma o dirtor-presidente da Fumcult, Olavo Almeida.

Cronograma
Prazo para recursos – 19/05/2022
Análise dos recursos – 20/05/2022
Divulgação do resultado final – 23/05/2022
Assinatura do termo de compromisso – 24/05/2022 a 25/05/2022

Prefeitura de Macapá incentiva produção cultural

Prefeitura de Macapá incentiva produção cultural com repasse de R$ 72,5 mil para Festival Curta Teatro

Mostras competitivas, espetáculos convidados e oficinas compõe o festival que acontece entre 21 a 24 de abril.

Por Viviane Monteiro – Fundação Municipal de Cultura

A prefeitura de Macapá está incentivando a produção de artes cênicas através do repasse de R$ 72,5 mil para o VI Festival Curta Teatro, realizado pela companhia “Ói Nóiz Aki”. O evento iniciou na quinta-feira (21) e segue até o próximo domingo (24), no anfiteatro da praça Chico Noé.

De acordo com o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura (Fumcult), Olavo Almeida, o fomento é oriundo do tesouro municipal e foi destinado com o objetivo de desenvolver a cadeia produtiva das artes cênicas da capital, viabilizando a produção, difusão e consumo do setor.

“A Fundação é um elo importante para fomentar o teatro, a música, a dança e os demais gêneros artísticos e culturais. O festival incentiva cada vez mais nossos artistas e através desse apoio financeiro, a Prefeitura ajuda a aproximar a arte e a cultura da população em geral”, afirmou Olavo.

A programação conta com mostras competitivas, espetáculos e oficinas. Além disso, esta edição tem como atração principal o espetáculo “Paulo Freire: O Andarilho da Utopia”, do Grupo “Off-Sina”, do Rio de Janeiro.

“O Festival Curta Teatro se tornou referência, uma proposta inovadora da Companhia ‘Ói Noiz Akí’ que se destaca no contexto nacional, inclusive com iniciativas premiadas por várias vezes em editais de programas de renome, como o Criança Esperança, Natura Musical e Caixa Cultural”, conta o produtor Paulo Rocha.

Os participantes do festival ainda podem levar para casa os troféus de reconhecimento nas categorias de Melhor Direção, Dramaturgia, Caracterização, Concepção Sonora, Atuação (Melhor Ator e Melhor Atriz – Protagonistas e coadjuvantes) e por fim, a tão cobiçada aclamação de Melhor Processo ou Experimento Cênico, com prêmio no valor de três mil reais e o Troféu Creuza Bordalo.

Programação:

VI Festival Curta Teatro

21/ 04 – Quinta-feira
19h – Novo Amapá (Cia. Supernova – AP)
19h30 – O Auto da Estrela Guia (Cia. De Arte Tucujú – AP)

22/04 – Sexta-feira
19h – Uma Flor para Margarida (Cia. Os Paspalhões – AP)
19h30 – Madame Jereba (Jéssica Ataíde-AP)
19h50 – Tecno-Palafítico (Cia. Casa Circo – AP)
20h10 – Malacabados (Cia. Trecos InMundos – AP)

23/04 – Sábado
19h – Paulo Freire: O Andarilho da Utopia (Grupo Off-Sina – RJ)
20h – Chica Fulô de Mandacarú (Cia. Casa Circo – AP)

Dia 24/04 – Domingo
“Oficina: Ator – O Atleta do Coração” (Grupo Off-Sina – RJ)
19h – Floops (Cia. Trecos InMundos – AP)
19h30 – Olhos Vermelhos (Art Presença Cia. Teatral – AP)
19h50 – Urucum (Cia Supernova – AP)
20h10 – A Noite dos Cavalos (Cia. Támana Produções – AP)
20h30 – Mais Um Dia Com Ela (Compania El Nidi – AP)

Prefeitura de Macapá repassa R$ 80 mil para realização do Ciclo do Marabaixo 2022

 

Na manhã desta terça-feira (12), a Prefeitura de Macapá repassou o valor de R$ 80 mil para os grupos tradicionais que participarão do Ciclo do Marabaixo 2022. A cerimônia ocorreu na praça em frente ao prédio da instituição e foi embalada com muito batuque e marabaixo.

O recurso é oriundo do Fundo Municipal de Cultura e garante o pagamento dos cachês de 20 grupos de Marabaixo. Anualmente, a Prefeitura de Macapá tem sido um dos grandes apoiadores da realização da festividade, que após dois anos no formato online, retorna presencialmente no próximo sábado, dia 16 de abril.

“Temos o dever de cada vez mais incentivar nossa cultura, nossas produções, nossas raízes e com a retomada do ciclo de forma presencial, o evento vai ser maravilhoso. Continuaremos incentivando cada vez mais a ocupação dos nossos espaços como Bioparque, Shopping Popular e Mercado Central”, diz o prefeito de Macapá, Dr. Furlan.

Para o presidente da Fundação Municipal de Cultura (Fumcult), Olavo Almeida, esse tipo de investimento contribui para a disseminação e preservação de manifestações culturais tradicionais da capital amapaense.

“Tudo que envolve o Marabaixo deve ser fomentado, pois garante que as novas gerações saibam que existe uma história com dois séculos de construção dessa cultura que precisa ser preservada. Os jovens precisam saber e quem não conhece também precisa saber que nós temos uma expressão cultural muito forte”, disse Olavo.

 

De acordo com o gestor da Fumcult, o recurso já está em conta para ser aplicado e além do apoio financeiro, a Prefeitura de Macapá fará outras ações durante a festividade, que serão executadas pelo Instituto Municipal de Promoção da Igualdade Racial (Improir).

A marabaxeira Laura Ramos, conhecida como Laura do Marabaixo, comenta que a manifestação tem importância para construção histórica, social, cultural e política da sociedade.

“É uma manifestação de resistência, na qual pronunciamos os versos de ladrões com satisfação ou insatisfação, e assim nos posicionamos na sociedade. O dia de hoje é importante não só pra mim, mas para todos os marabaixeiros, em especial aos advindos das casas tradicionais como Raízes da Favela, Raimundo Ladislau, Marabaixo do Pavão, Berço do Marabaixo da favela e os demais grupos”, afirma.

Grupos de Marabaixo festejam na Praça da Prefeitura de Macapá | Foto: Rogério Lameira/PMM

 

Confira a Programação do Ciclo do Marabaixo 2022

Dia 16 de abril, sábado
17h – Abertura do Ciclo do Marabaixo 2022 (Grupo Berço do Marabaixo)/híbrido (online e presencial);

Dia 17 de abril, domingo
17h – Programação religiosa e roda de Marabaixo (Grupo Raimundo Ladislau)/presencial;

Dia 1° de maio, domingo
17h – Marabaixo do Trabalhador, grupo Berço do Marabaixo/presencial;

Dia 8 de maio, domingo
17h – Marabaixo em comemoração ao Dia das Mães (Grupo Raízes da Favela) /presencial;

Dia 21 de maio (sábado):
9h – Corte do Mastro nas matas do Curiaú (todos os grupos) /presencial;

Dia 22 de maio (domingo):
9h – Domingo do Mastro, com saída do barracão Marabaixo do Pavão e chegada no barracão Raimundo Ladislau; saída do grupo Raízes da Favela e chegada no grupo Berço do Marabaixo (transmissão via live pela internet);
18h – Rodas de marabaixo (evento presencial);

Dia 25 de maio (quarta-feira):
17h – Quarta-feira da Murta, saída do Raimundo Ladislau e chegada no Marabaixo do Pavão/presencial;

Dia 26 de maio (quinta-feira):
17h – Ladainha do Divino Espírito Santo e levantamento do Mastro (Marabaixo do Pavão e Raimundo Ladislau) /híbrido (online e presencial);

Dia 5 de junho, domingo
7h – Missa do Divino Espírito Santo, café da manhã e almoço (Igrejas São Benedito e Jesus de Nazaré e barracões);
17h – Murta da Santíssima Trindade; saída do Berço do Marabaixo e chegada no Raízes da Favela/presencial;

Dia 4 de junho (sábado):
17h – Murta da Trindade e Levantação do Mastro (Comunidade de Campina Grande) /presencial;

Dia 6 de junho (segunda-feira):
18h – Ladainha da Santíssima Trindade, levantação do Mastro (Raízes da Favela) /híbrido (online e presencial);

Dia 12 de junho (domingo):
7h – Domingo da Trindade; Missa no Barracão Berço do Marabaixo, café da manhã e almoço (Igreja Santíssima Trindade e barracões) /presencial;

Dia 19 de junho (domingo):
17h30 – Domingo do Senhor, corte do mastro e encerramento do Ciclo do Marabaixo 2022 (todos os barracões) /híbrido (online e presencial).

Prefeitura de Macapá faz repasse de verba para realização do Ciclo do Marabaixo 2022

A Prefeitura de Macapá será uma das instituições que apoiarão a realização da edição de 2022 do Ciclo do Marabaixo, que inicia dia 16 de abril. A participação da instituição na festividade será feita pelo repasse de R$ 80 mil destinado à remuneração dos grupos tradicionais que se apresentarão nos dias do evento. Acompanhe pelo facebook  https://www.facebook.com/Em.Destaque.AP/videos/556737785640911

O recurso vem do Fundo Municipal de Cultura e a cerimônia de repasse acontecerá no dia 12 de abril, às 9h, na Praça da Prefeitura de Macapá. A atividade marcará a retomada do acesso do público aos festejos.

“Este recurso é destinado, excepcionalmente, para fomentar a cultura e seguiremos prestando todo apoio cultural para a realização do Ciclo do Marabaixo que, após dois anos acontecendo de forma virtual, voltará a ser realizado presencialmente”, diz o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura (Fumcult), Olavo Almeida.

Além do apoio financeiro do Município, a Fumcult e o Instituto Municipal de Promoção da Igualdade Racial (Improir) farão uma série de ações durante as festividades do Ciclo do Marabaixo.

Sobre o Marabaixo
Ele foi declarado Patrimônio Imaterial do Amapá pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e o Ciclo do Marabaixo é a maior e mais expressiva manifestação cultural do estado. A atividade acontece por meio de festejos socioculturais promovidos pelas comunidades afrodescendentes com os rituais e fazeres religiosos tradicionais.

Programação do Ciclo do Marabaixo 2022
16 de abril (sábado)
17h – Abertura do Ciclo do Marabaixo com o Grupo Berço do Marabaixo

17 de abril (domingo)
17h – Programação religiosa e roda de Marabaixo com o Grupo Raimundo Ladislau

1° de maio (domingo)
17h – Marabaixo do Trabalhador, grupo Berço do Marabaixo/presencial;

8 de maio (domingo)
17h – Marabaixo em comemoração ao Dia das Mães com o Grupo Raízes da Favela/presencial;

21 de maio (sábado)
9h – Corte do Mastro nas matas do Curiaú com todos os grupos

22 de maio (domingo)
9h – Domingo do Mastro, com saída do barracão Marabaixo do Pavão e chegada no barracão Raimundo Ladislau; saída do grupo Raízes da Favela e chegada no grupo Berço do Marabaixo, com transmissão pela internet;
18h – Rodas de Marabaixo (evento presencial)

25 de maio (quarta-feira)
17h – Quarta-feira da Murta, saída do Raimundo Ladislau e chegada no Marabaixo do Pavão

26 de maio (quinta-feira)
17h – Ladainha do Divino Espírito Santo e levantamento do Mastro, pelo por Marabaixo do Pavão e Raimundo Ladislau)

5 de junho (domingo)
7h – Missa do Divino Espírito Santo, café da manhã e almoço, nas Igrejas São Benedito e Jesus de Nazaré e barracões
17h – Murta da Santíssima Trindade, saída do Berço do Marabaixo e chegada no Raízes da Favela

Dia 4 de junho (sábado)
17h – Murta da Trindade e Levantamento do Mastro (Comunidade de Campina Grande)

6 de junho (segunda-feira)
18h – Ladainha da Santíssima Trindade e Levantamento do Mastro (Raízes da Favela)

12 de junho (domingo)
7h – Domingo da Trindade; Missa no Barracão Berço do Marabaixo, café da manhã e almoço, na Igreja Santíssima Trindade e barracões

19 de junho (domingo)
17h30 – Domingo do Senhor, corte do mastro e encerramento do Ciclo do Marabaixo 2022 (todos os barracões)

C O N V O C A Ç Ã O

CONVOCAÇÃO
Prestação de Contas
Edital 007/2020 – Lei Aldir Blanc
O Diretor-Presidente da Fundação Municipal de Cultura – FUMCULT, através de suas atribuições, CONVOCA os contemplados do Edital 007/2020-FUMCULT/PMM, relacionado à seleção do repasse de subsídio mensal a espaços culturais e artísticos, QUE AINDA NÃO APRESENTARAM SUAS DEVIDAS PRESTAÇÕES DE CONTAS, que o façam ate o dia 10/02/2022 sob pena das sanções previstas no art.17 do decreto municipal n° 3.360/2020-PMM.

 

Macapa, AP 26 de janeiro de 2022.

OLAVO DOS SANTOS ALMEIDA
Diretor Presidente da Fundação Municipal de Cultura/PMM
Decreto N° 5.322/2021-PMM

Faça download da convocação ===>  CONVOCAÇÃO

PROGRAMAÇÃO CANCELADA

Prefeitura de Macapá cancela programação cultural de aniversário da cidade

A medida foi tomada em função da decorrência do aumento de casos gripais e de Covid-19.

Por – Secretaria Municipal de Comunicação Social

Acompanhando o cenário do aumento de casos gripais e de Covid-19, a Prefeitura de Macapá decidiu cancelar a programação de aniversário da cidade. A medida é necessária para preservar a saúde da população.

Dentre as atividades previstas estava a corrida, passeio ciclístico, show gospel e a Virada Cultural. Como tradição, a missa na Catedral de São José de Macapá foi mantida, mas o espaço seguirá as recomendações sanitárias, como distanciamento social e uso de máscaras.

A gestão municipal pretende realizar, em outro momento, as atividades esportivas e culturais. A proposta será discutida com base no cenário epidemiológico.

“Vamos acompanhar a situação e, então, vamos discutir uma nova data para realização, principalmente da Virada Cultural, que vai reunir artistas locais e seria um momento de lazer e diversão para a população. É importante que todos tenham segurança de participar do evento”, explica Olavo Almeida, diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura de Macapá (Fumcult).