Macapá completa 264 anos e comemora com virada cultural e programação artística em pontos turísticos

O aniversário da cidade representa a fé, tradição e cultura da Amazônia. As atrações contemplam os diversos segmentos artísticos e culturais.

Por – Secretaria Municipal de Comunicação Social

Virada cultural, música, artesanato e teatro de rua integram a programação do aniversário de 264 anos de Macapá, comemorado no dia 4 de fevereiro. A Prefeitura prepara uma grande festa para a capital banhada pelo rio Amazonas. O objetivo é atrair a comunidade para celebrar as atrações em homenagem a cidade.

O festival de Iemanjá, que visa saudar a Rainha do Mar, abre os festejos no dia 2 de fevereiro. A festividade tem como objetivo fortalecer as ritualísticas do candomblé, umbanda e tambor de mina, valorizando as manifestações tradicionais da cultura negra em Macapá.

As atrações contemplam os diversos segmentos culturais e pretendem fazer um resgate histórico da terra tucuju. Além de lazer e entretenimento, o esporte ganha notoriedade, abrindo a programação do dia 4 de fevereiro com corrida de rua.

‘’Neste primeiro momento, os grupos de Fanfarra, que contam com instrumentos de sopro e percussão, participarão do decorrer do percurso da corrida, anunciando a passagem dos atletas’’, destaca o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Olavo Almeida.

No setor artístico, a Virada Cultural terá atrações simultâneas em toda a cidade, com ações realizadas em galerias, palcos e pontos turísticos.

Confira a programação:

2 de fevereiro
Festival de Iemanjá

4 de fevereiro
• Prefeitura de Macapá
Corrida de rua
Horário: 6h

• Araxá
Sexta da diversidade / LGBTQIA+
Horário: 16h

• CEU das artes
Artes cênicas e visuais
Horário: 12h (Início da exposição de obras de artista plásticos)

• Curiaú
Marabaixo e Batuque
Horário: 12h10min

• Fazendinha
Shows de Música: melody, brega, saudade e guitarrada
Horário: 12h10

• Mercado Central
9h – Pronunciamento oficial
10h – Audiovisual
12h10 – Shows musicais
16h – Dança (clássica, brega, salão etc.)

• Praça da Bandeira
Música instrumental, rap, shows de rock e música alternativa.
Horário: 16h

• Praça chico Noé
Capoeira e teatro de rua
Horário: 16h

• Praça da Prefeitura
Música Popular Amapaense (MPA)
Horário: 12h10min

• Praça Veiga Cabral
Concerto de Poesias, exposições de artes visuais, artesanato e música voz e violão
10h – Artesanato e Artes visuais
15h – Poesia e música

• Bicicleata
Horário: 16h
Concentração: início da avenida Cora de Carvalho, em frente ao prédio da Igreja Universal
Percurso: sistema binário (Avenidas Cora de Carvalho e Padre Júlio), com término no Mercado Central

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.